Ajude na manutenção e expansão do Guia dos Quadrinhos


Gary Frank



País de nascimento: Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte
1969

Lista de revistas com trabalhos de Gary Frank
Veja lista detalhada dos trabalhos


Gary Frank começou a desenhar profissionalmente para a Marvel UK, divisão britânica da Marvel Comics, na série Motormouth & Killpower. Seu trabalho chamou atenção da matriz americana, e ele foi convidado para participar da revista The Incredible Hulk, à época escrita por Peter David.

In 1996, Frank começou a trabalhar para a DC Comics, e, dentre seus trabalhos para a editora se destacou o relançamento da revista Supergirl, protagonizada pela personagem homônima, novamente trabalhando com o escritor Peter David.

Em 2000, Frank lançou Kin, uma minissérie em seis edições destinada à ser a primeira parte de uma trilogia e começou a desenhar Midnight Nation, uma minissérie em doze edições escrita por J. Michael Straczynski. Ambas as séries foram lançadas pela editora Top Cow. Em 2002, após a conclusão de Midnight Nation, Frank foi anunciado como um contratado exclusivo da Marvel Comics.

Seus primeiros trabalhos para a Marvel foram as edições 61 e 62 da revista The Avengers. Nos anos seguintes, se dedicaria à série Poder Supremo, escrita por Straczynski e publicada como parte da linha editorial Marvel MAX, dedicada à obras de teor mais maduro. A série viria a se tornar uma das mais bem-vendidas histórias desse gênero e seria publicada até 2005, quando foi descontinuada sem resolução, após Straczynski abandonar os roteiros.

Em 2007, Frank é contratado pela DC Comics para desenhar a revista Action Comics, então escrita por Geoff Johns, onde permanece até o fim do arco de história Nova Krypton. Na história, Superman deixa o planeta Terra, as histórias da revista passariam a ser protagonizadas por diferentes personagens.



Relate algum problema encontrado nesse artista

  • Antonio Pontes Junior
  • Adicionado por
    Antonio Pontes Junior
    em 09/03/2007 23:38:00