Homem-Aranha



Nome: Peter Benjamin Parker
Nome original: Spider-Man
Licenciador: Marvel Comics
País de origem: Estados Unidos da América
Criado por: Stan Lee, Steve Ditko

Lista de revistas com participação de Homem-Aranha

    Primeira aparição no:
  • País de origem
    Amazing Fantasy (1962)  n° 15 - Marvel Comics
  • Brasil
    Poderoso Thor, O (Álbum Gigante)  n° 11 - Ebal
O mais popular personagem da editora Marvel surgiu nos quadrinhos em 1962. O curioso é que, de acordo com um dos autores, Stan Lee, o super-herói quase não foi publicado. Isto porque o editor, Martin Goodman, achava que os leitores não gostavam de aranhas. Mesmo assim, Goodman foi convencido a publicá-lo no número de despedida da “Amazing” (antiga “Amazing Adult Fantasy”), o n° 15 (com data de agosto de 1962, mas vendido nas bancas americanas ainda em meados daquele ano, entre maio e junho). Quando o bom resultado das vendas chegou, meses depois, Goodman se entusiasmou e tratou logo de dar àquela figura mascarada sua própria revista. O n° 1 de “Spider-Man” foi lançado com a data de março de 1963.

Na origem publicada em “Amazing”, o pacato estudante Peter Parker mora com seus tios, Ben e May. Inteligente e aplicado, Parker é um brilhante estudante de ciências rejeitado por seus colegas. Após ser picado por uma aranha radiativa durante exibição científica, ele ganha “poderes de aranha”, que incluem superforça, agilidade e a habilidade de escalar qualquer superfície. Parker então faz um disfarce para seguir incógnito carreira na TV, no “Ed Sullivan Show”. Durante um show, nos bastidores, o “Homem-Aranha” não se esforça para impedir a fuga de um ladrão, que posteriormente mata seu tio Ben. Este fato faz então nosso herói pensar numa já famosa frase que seu tio uma vez lhe havia dito: “Com grandes poderes vêm grandes responsabilidades”. Apesar das ditas “grandes responsabilidades”, as primeiras aventuras do Aranha no combate ao crime eram mais guiadas pela promessa de lucro com as fotos que Parker tirava de si mesmo do que outro impulso benemerente.

A criação do Homem-Aranha é até o momento motivo de controvérsias. Lee, Steve Ditko, Jack Kirby e até Joe Simon apresentaram diferentes versões do nascimento do personagem. Lee costuma dizer que foi influenciado por “um dos meus heróis de 'pulps' favoritos... um fortão chamado Aranha Negra”. Por outro lado, Kirby, que desenhou a capa de “Amazing” n° 15, dizia que Escalador de Paredes era idéia sua. Lee, por sua vez, diz que, após criar o nome “Homem-Aranha” e decidir que este seria um adolescente, procurou Kirby atrás de idéias complementares. O desenhista então teria oferecido a Lee um antigo projeto (dos anos 50) dele e de Joe Simon: “Silver Spider”, sobre um jovem orfão (como Parker) chamado Tommy Troy, que se tornava super-herói através de um anel mágico. Kirby, no entanto, deu a entender que até o nome do personagem foi idéia sua. “Homem-Aranha não era produto da Marvel”, afirmou certa vez. “Ele foi o último personagem que Joe Simon e eu planejamos. A gente tinha uma HQ chamada 'The Silver Spider'. Iria ser lançada em um gibi chamado 'Black Magic'. A revista não publicou. Acredito ter dito então que ele poderia se transformar em algo como 'Homem-Aranha', veja, um super-herói. A idéia então já estava pronta quando eu falei com Stan”.

O Aranha também fez muito sucesso na TV e no cinema. Entre 1967-69 foi produzida uma série de desenhos para a televisão, pela Grantray and Lawrence (a mesma empresa que realizou, na época, os desenhos dos “Super-Heróis Marvel”). Em 1967 vários desses bonecos chegaram ao Brasil, pela Atima, inclusive o Aranha. Foi através desse boneco que o público brasileiro ficou conhecendo o personagem. No ano seguinte, ele faria sua estréia em quadrinhos no Brasil, através da revista “Álbum Gigante”. Entre 77 e 79 foi a vez de uma série de filmes feita pela Universal TV e exibida pelo canal CBS, estrelada por Nicholas Hammond. Curiosamente, nesse ínterim, em 1978, o Escalador de Paredes ganhou outra série de TV, só que desta vez no Japão, realizada pela Toei Company, com atores nipônicos e voltada para o público infantil. Entre 2002 e 2007 foram lançados três filmes estrelados pelo herói, que deram início a uma série de outras adaptações dos quadrinhos, principalmente da Marvel, no cinema.


Relate algum problema encontrado nesse personagem