Primaggio Mantovi



País de nascimento: Itália
18 de janeiro de 1945

Lista de revistas com trabalhos de Primaggio Mantovi
Veja lista detalhada dos trabalhos


(ao lado, o artista no Salão da Devir em São Paulo, durante o 2º Mercado das Pulgas do Guia dos Quadrinhos, em 2009)

Nasceu em Genova, na Itália. Seu primeiro contato com quadrinhos foi com aproximadamente cinco anos, por meio do gibi “Topolino” (como “Mickey” é chamado na Itália). Quando a 2ª Guerra terminou, a Itália estava falida e seu pai, depois de várias tentativas mal sucedidas de arranjar algum trabalho pra sustentar a família, resolveu aceitar o convite de um cunhado que estava morando no Brasil. Assim, em 4 agosto de 1954, a família Primaggio desembarcou no porto do Rio.

Primaggio Mantovi começou sua carreira nos quadrinhos retocando histórias para a RGE, em 1964. Sua primeira história foi uma de “Rocky Lane” (que desenhou), cowboy que produziu de 1965 a 68. Fez também capas e “lay-outs” para a RGE, bem como trabalhos em paralelo para a Taika, Super Plá e a Enigma.

De 68 a 71, desenhou e coloriu 50 historinhas do “Recruta Zero”. Em 1970, desenvolve o personagem Sacarrolha, publicando em janeiro de 1972, com 130 mil exemplares vendidos.

Em março de 1973, recebeu um convite para desenhar e escrever quadrinhos da Disney na Editora Abril, se mudando pra São Paulo em abril daquele ano, junto com sua “nova” família: a esposa e sua primeira filha, Claudia. Os pais e o irmão de Primaggio continuaram morando no Rio. Assumiu o cargo de Coordenador do Centro de Criação na Abril, mas continuou a criar histórias da Disney, “Pantera Cor-de-Rosa”, “Herculóides” e outros.

Em 76, assume o Setor de Revistas Nacionais da Editora Abril. Em 1984, o Estúdio de Quadrinhos deixou de cuidar apenas dos personagens de Disney, acumulando à produção histórias de “Luluzinha”, “Moranguinho”, “He-Man”, “Alegria” etc. Naquela época, Primaggio era responsável de uma produção de, aproximadamente, 300 páginas mensais.

Neste meio tempo, também colabora com as editoras D-Arte e Noblet. Durante os anos 90, ainda na Abril, é agraciado várias vezes com o prêmio HQ Mix, entre outros. Continua até hoje bastante ativo na área de HQs, já tendo passado por inúmeros projetos e editoras do ramo.




Notas e fontes —
www.primaggio.kit.net
http://bengalasboysclub.blogspot.com.br/2012/03/tonyfernandespegasusblogspotcom.html



Relate algum problema encontrado nesse artista