Ajude na manutenção e expansão do Guia dos Quadrinhos


Mort Drucker



País de nascimento: Estados Unidos da América
29 de março de 1929

Lista de revistas com trabalhos de Mort Drucker
Veja lista detalhada dos trabalhos


Desenhista americano, nascido no bairro do Brooklyn, Nova York, mais conhecido por suas hilárias e popularíssimas sátiras de filmes publicadas na revista “Mad”. Mas Mort Drucker entrou para o mundo dos quadrinhos como um sujeito sério: começou como assistente de Bert Whitman, na historieta “Debbie Dean”, em 1947. “Debbie Dean” também foi o primeiro trabalho de Drucker feito para “syndicates” (distribuidores). Entre 1984 e 1986, ele faria também a tira diária “Benchley”, em parceria com Jerry Dumas.

Um dos primeiros “comic books” (os populares gibis americanos) produzidos por Drucker foi para a editora DC. Por volta de 1950, começou a se tornar autônomo, sem nenhum contrato fixo com as editoras americanas. Durante os anos 50, colaborou em historietas de guerra, ficção científica e outros gêneros para as editoras DC e Marvel. Colaborou também com a ACG (“Lovelorn), Dell (“Luke Short) e Better. Quando desenhava “Mademoiselle Marie” para a DC, em 1950, Drucker se aborreceu tanto com Robert Kanigher (o criador da personagem), que jurou nunca mais desenhar para aquela editora (promessa que nunca cumpriu).

Drucker começou sua longa colaboração com os “mesmos idiotas de sempre” da “Mad” a partir de 1956, quando foi contratado pelo editor Al Feldstein junto com outros desenhistas, já que a equipe original da revista tinha pedido demissão em solidariedade ao “publisher” Harvey Kurtzman, que se desentendera com o dono da editora.

Ao mesmo tempo em que trabalhava na “Mad”, Drucker continuava fazendo quadrinhos para DC (como “Sargento Rock”). No final dos anos 60, se fixou como desenhista das sátiras de filmes publicadas na “Mad”.

- Antônio Luiz Ribeiro


Mort Drucker


Relate algum problema encontrado nesse artista

  • Antonio Pontes Junior
  • Adicionado por
    Antonio Pontes Junior
    em 23/11/2007 16:57:00
    Editado por Antônio Luiz Ribeiro