Eduardo Barbosa




Lista de revistas com trabalhos de Eduardo Barbosa
Veja lista detalhada dos trabalhos


Durante muitos anos, na infância e adolescência, Barbosa morou no Rio de Janeiro e fez muitos amigos. O batismo de quadrinhos foi com “O Tico Tico”. De leitor, passou a desenhista no “Suplemento Juvenil”, de Adolfo Aizen, em 1938. O segundo batismo foi com Alex Raymond (autor de “Flash Gordon”, “Jim das Selvas” e “Nick Holmes”), seu grande ídolo.

Fez quase toda a “Série Sagrada” e “As Grandes Figuras”, da Ebal; os “Clássicos Ilustrados”, “Cavaleiro Negro”, “Reizinho”, “Fantasma”, da Rio Gráfica; “Fuzarca e Torresmo” para a La Selva; “Tio Patinhas” para a Abril, entre outras.

Em 1958, escreveu um livro sobre Lampião (“Lampião, Rei do Cangaço”) e que serviu de base para um filme de Carlos Coimbra (pela Cinedite). Publicou também no “Gazetas de Notícias” do Rio, em folhetim, o romance “Judas Tadeu”, além de escrever colunas de artes plásticas, participar de coletivas, fazer xilogravuras, reformar graficamente diversos jornais.


Eduardo Barbosa


Relate algum problema encontrado nesse artista

  • Antônio Luiz Ribeiro
  • Adicionado por
    Antônio Luiz Ribeiro
    em 18/04/2009 19:20:00
    Editado por Antônio Luiz Ribeiro