Claudio Nizzi



País de nascimento: Argélia
9 de setembro de 1938

Lista de revistas com trabalhos de Claudio Nizzi
Veja lista detalhada dos trabalhos


Roteirista, nascido na Argélia e radicado na Itália. É mais conhecido como o criador do policial “Nick Raider”, para a Sergio Bonelli Editore. Para a mesma casa, tembém escreveu o cowboy “Tex”, sucedendo, com êxito, o criador do personagem, Gianluigi Bonelli.

Nizzi teve seu primeiro roteiro publicado em 1960, na história “Tra i due Litiganti”, da revista “Il Vitorioso”. Depois, criou a série africana “Safari” e colaborou com várias revistas, como “Novella”, “Grand Hotel”, “Confidenze” e “Bella”.

No início dos anos 70 cria “Larry Yuma”, “Capitão Erik” e “Tenente Mario”.

No começo dos anos 80, Nizzi passou a ser o encarregado de “Il Giornalino” (“A Revistinha”), onde escrevia o faroese do personagem “Larry Yuma”. O trabalho de Nizzi chamou a atenção do editor Sergio Bonelli. Naquela época (início da da década de 80), Sergio se deu conta que seu pai, o veterano Gianluigi Bonelli, não conseguia mais escrever sozinho todas as histórias do cowboy “Tex” (que vinha fazendo desde 1948). E o próprio Sergio, cada vez mais absorvido pelo quotidiano da Editora que crescia dia a dia, não poderia se dedicar aos roteiros. A saída foi começar a procurar alguém em condições de elabonar as histórias do maior ícone dos quadrinhos dos quadrinhos da Velha Bota. E o escolhido foi Nizzi. Em novembro de 1981 ingressou na Bonelli, na revista “Mister No” n° 78.

Em 1983, escreveu (anonimamente) a sua primeira aventura para “Tex”: “La valanga d'acqua” (creditada na ocasião a G. L. Bonelli). Mas só pôde assinar seu nome a partir de 1988.

Em 1988 Nizzi criou “Nick Raider”, logo transformado em um grande sucesso de vendagem como “Tex”. Em 1995 Nizzi ganhou o prêmio Yellow Kid como o melhor autor de quadrinhos italianos, isso por ter mantido a tradição do “western” com “Tex”, por ter criado vários personagens de sucesso e por ter adaptado inúmeros clássicos de literatura para os quadrinhos.

Em “Tex”, Nizzi preocupou-se em escrever os roteiros seguindo à risca o estilo consagrado de Gianluigi Bonelli, tanto para os ambientes de ação das aventuras, quanto para os personagens em geral, não mudando em nada a personalidade do famos herói do Oeste e de seus parceiros. (*)

Claudio Nizzi aposentou-se aos 74 anos. Sua última HQ de Tex, “I volontari di Hermann”, foi publicada no n° 632 da edição italiana. (**)


Notas e fontes
(*) www.texbr.com/portrasdopano/roteiristas/claudio_nizzi.htm
(**) Antônio Luiz Ribeiro



Relate algum problema encontrado nesse artista

  • Guia dos Quadrinhos
  • Adicionado por
    Guia dos Quadrinhos
    em 05/03/2007 00:00:00