Scubidu (Scooby-Doo)



Nome original: Scooby-Doo
Licenciador: Hanna-Barbera
Criado por: Iwao Takamoto, Joe Ruby, Ken Spears

Lista de revistas com participação de Scubidu (Scooby-Doo)

O hilário Scubidu e sua turma de adolescentes detetives (Salsicha, Daphne, Velma e Fred) foram criados em 1969 para o desenho animado do estúdio de Hanna-Barbera. Carismático, grandalhão, medroso e comilão, este é Scubi, um cachorro da raça Dogue Alemão (Great Dane) cujo comportamento se iguala ao do dono, o hippie magricela Salsicha. A turma têm uma empresa de investigação de nome Mistério S.A., sempre viajando a bordo do velho e psicodélico furgão Mistery Machine (Máquina do Mistério).

O desenho animado bebeu nas águas da série de TV “The many loves of Dobie Gillis” (1959-63). A grande característica dos desenhos de Scubidu é que os fantasmas e outras assombrações que investigam revelam-se sempre falsos (no final de cada episódio, a “assombração” era capturada e desmascarada, revelando-se ser um picareta), idéia original comparando-se com os desenhos do gênero anteriores. Posteriormente, a Hanna-Barbera criou novas séries de desenho com personagens que seguiam a fórmula de “um grupo de adolescentes e um bicho atrapalhado que desvendam mistérios” — claro que com ligeiras modificações, como em “Bicudo, o Lobisomem”, “Goober e os caçadores de fantasma”, “Capitão Caverna e as Panterinhas”, entre outros.

O desenho original do herói canino (“Scooby-Doo, where are you?”) foi exibido entre 1969 e 71. Mas em 1972, ele e seus amigos voltaram num novo “show”, “The new Scooby-Doo movies”. Nesse novo desenho, cada episódio contava com uma celebridade convidada ou grupo, que ajudava a turma a resolver o mistério do dia. Dependendo das possibilidades, as visitas podiam voltar em outras histórias. Os convidados foram (na ordem): Os Três Patetas (no episódio 1; o Trio Mais Biruta das Telas retornaria no 11° episódio); Batman & Robin (que retornariam no 15° episódio); A Família Adams; Jonathan Winters; Don Knotts (que retornou no nono episódio); Phyllis Diller; Sandy Duncan; Sonny & Cher; O Gordo e o Magro; os Harlem Globetrotters (que retornariam nos 16° e 17° episódios); Davy Jones; Jerry Reed; Josie e as Gatinhas; Jeannie é um Gênio; Tim Conway; Don Adams; Speed Buggy; Cass Elliot; e Dick Van Dyke.

Scooby fez sucesso também no Brasil. Em 1972, era uma das atrações diárias do “Bandeirantes Mirim”, programa colorido do canal 13 de São Paulo.

As primeiras HQs de Scooby-Doo foram publicadas em 1969, pela editora americana Gold Key. O personagem também já teve revistas lançadas pelas editoras Charlton, Marvel, Harvey, Archie e DC. As versões atuais do personagem, incluindo a revista publicada no Brasil, trazem a grafia original americana, “Scooby-Doo”.


Fontes —
- Revista “Scooby-Doo” (DC Comics);
- Antônio Luiz Ribeiro

Scubidu (Scooby-Doo)



Relate algum problema encontrado nesse personagem

  • Osmar Simões
  • Adicionado por
    Osmar Simões
    em 22/09/2007 14:55:00