Ajude na manutenção e expansão do Guia dos Quadrinhos


Durango Kid



Nome: Steve
Nome original: Durango Kid
Licenciador: Columbia Pictures
País de origem: Estados Unidos da América
Criado por: Paul Franklin

Lista de revistas com participação de Durango Kid

Cowboy do cinema e dos quadrinhos, surgido pela primeira vez num filme de 1940 (“Durango Kid”). O ator que se tornaria seu principal intérprete foi Charles Starret (1903-1986). Depois do primeiro filme, o estúdio Colúmbia só retomaria ao personagem em 1944, que se seguiria com vários sequências até 1952. Muitas cenas de ação foram realizadas pelo dublê Jock Mahoney, um bem sucedido especialista nesse tipo de filmagem e que também seria um dos Tarzan da tela grande.

Em 1949, a editora Magazine Enterprises (ME) entrou em contato com a Columbia Pictures e licenciou o personagem para seus gibis.

Durango Kid era um cowboy que agia como Robin Hood. Se vestia de negro e encobria o rosto com um lenço da mesma cor. Na série, quando estava em trajes civis era chamada de Steve (seguido de algum outro sobrenome). Nos quadrinhos, porém, ele tinha um nome completo: Steve Brand. No filme “Texas panhandle" (1945), foi revelado que "Steve" era um agente secreto do governo trabalhando no Oeste. Isso explicava o por que de “Steve" trabalhar como sherife em um filme e como Texas Ranger em outro, sempre com sobrenomes diferentes.

Outra diferença entre os filmes e os quadrinhos era que, enquanto nos primeiros o “sidekick" (parceiro) do vingador mascarado era o sempre feliz Smiley Burnette, nas HQs o papel era de outro personagem: o também boa-praça Léo (Muley Pike). Léo foi criado especialmente para as histórias em quadrinhos de “Durango", já que a editora Magazine Enterprises não pôde licenciar Smiley.

O cavalo de Durango Kid se chamava Raider (“Corisco”, no Brasil. Quando era usado por Steve, ele era chamado de “Faísca”). As HQs da editora Vecchi conservaram o nome original americano do garanhão, “Raider”.

A série do Durango Kid foi relançada na televisão, no Brasil durante os anos 60, com grande sucesso.

Na esteira do Durango Kid surgiram vários outros personagens mascarados similares, como o "Red Mask” (Tim Holt) e, nos quadrinhos, o "Cavaleiro Negro”, de Fred Guardineer. Guardineer, que também chegou a usar o pseudônimo de Gene Baxter, inclusive fez inúmeras histórias de “Durango Kid”, de 1952 a 55. No Brasil, o “Durango Kid” de Guardineer foi publicado pela EBAL nos anos 50, na revista de "Nevada" (Red Ryder). Entre o final da década de 70 e início da de 80, a Vecchi reprisou três aventuras do personagem em “Histórias do Faroeste”. E a RGE, numa época em que já não tinha mais histórias inéditas do “Cavaleiro Negro” para a sua revista, publicou o “Durango Kid” de Guardineer como sendo o “Cavaleiro Negro”.

Durango Kid



Relate algum problema encontrado nesse personagem

  • antônio Luiz Ribeiro
  • Adicionado por
    antônio Luiz Ribeiro
    em 18/11/2007 16:21:00