O arquétipo do romance policial na obra em quadrinhos Trilogia do Acidente, de Lourenço Mutarelli/2012

Jairo Macedo Júnior


Esta dissertação tem a intenção de observar e analisar as relações entre histórias em quadrinhos e romances policiais, de modo a esmiuçar de que forma essas duas formas de expressão estão presentes nos álbuns de Lourenço Mutarelli O Dobro de Cinco, O Rei do Ponto e A Soma de Tudo, produzidos entre 1999 e 2002, mais conhecidos como A Trilogia do Acidente. Iniciando sobre um foco teórico em que romances policiais e histórias em quadrinhos são definidas e situadas enquanto produtos de cultura de massa. O presente trabalho contribui com o debate a respeito da importância das histórias em quadrinhos como produto cultural, bem como a sua relação com a sociedade e seu tempo. Também é previsto analisar se e como a narrativa contida na obra se diferencia do romance policial tradicional, mesmo sendo classificada como publicação pertencente a este gênero.

Download: 138