Ajude na manutenção e expansão do Guia dos Quadrinhos

A TRADUÇÃO DAS METÁFORAS, IRONIAS E ONOMATOPEIAS EM BATMAN – THE KILLING JOKE, DE ALAN MOORE/2015

Bianca Montoro


Batman – The Killing Joke (1988) apresenta uma nova versão do vilão principal, o Coringa, personagem foco do trabalho. Com um enredo mais sombrio e psicológico, a versão criada por Alan Moore tem seu início marcado por uma conversa entre o herói e o antagonista. Toda a trama gira em torno da teoria criada pelo personagem vil de que apenas um dia ruim é necessário para levar um homem são à loucura, neste caso, o comissário Gordon. Este trabalho apresentou uma análise das figuras de linguagem presentes na obra e nas traduções desenvolvidas pelo Estúdio Criarte, partindo do princípio de que as metáforas, ironias e onomatopeias devem ser mantidas durante o processo tradutório. Como base teórica a respeito do gênero textual das histórias em quadrinhos, autores como Moya (1970), Ramos (2009; 2013; 2014), Vergueiro (2009; 2013), Chinen (2011; 2013) e Cagnin (2014) foram utilizados para as análi

Download: 81

Email: bianca_montoro@hotmail.com