Al Hubbard



País de nascimento: Estados Unidos da América
26 de maio de 1913
maio de 1984

Lista de revistas com trabalhos de Al Hubbard
Veja lista detalhada dos trabalhos


Allan Hubbard, conhecido como Al Hubbard, produziu inúmeros quadrinhos com personagens secundários da Disney, tais como Tico e Teco, Bambi, Coelho Quincas, Mogli, Grilo Falante, Sininho, Bongo e Queixada e, especialmente, o Banzé. Hubbard também ilustrou muitas adaptações de desenhos animados da Disney, tais como “Bambi”, “A Dama e o Vagabundo”, “Peter Pan” (estes dois também publicados entre nós no “Suplemento de Historietas” do “Diário de Notícias”, nos anos 50), “A Bela Adormecida”, “Mogli” e “Os Aristogatas”.

Em 1964, ele e o escritor Dick Kinney introduziram o Peninha e o Ronrom no universo do Pato Donald, na história "Fome para Fortalecer", e o Urtigão e o Cão, na história "Aqui Está o Nhum-Nhum-Nhum". Em 1966, a mesma dupla criou o 00-ZÉro, a Pata Hari e a BRONKA, na história "O Primeiro Caso do 00-ZÉro", o Grande BRONKA, na história "A Grande Horta no Céu" e o Lobo (cachorro do 00-ZÉro), na história "A Cabeleira Roubada", criando, ainda, a dupla de vilões Bigode e Comprido, em 1968, na história "Errar para Acertar".
Hubbard também desenhou a primeira história do Sapo Tadeu nos quadrinhos ("Terra da Fantasia", de 1949), do Clube dos Malvados (sem título, de 1955, inédita no Brasil), da Ursolina ("Duelo de Barqueiros, de 1964), da Pata Ricarda ("Minha Amiga Ricarda, de 1967), e de Sir Lock Holmes e seus inimigos Professor Nefárius, Boca Mole, Comprido e Tatu ("O Estranho Roubo das Ervilhas", de 1975).
Com o Banzé, Hubbard desenhou inúmeras histórias. Poderíamos citar "O São-Bernardo Mirim", "As Lorotas de Fiel", "Herói por Acaso", "Amigos Felinos", "Parque de Diversões", "O Mistério do Monstro", "Mina de Ossos", "Em Busca de um Jornal", "Puxa-Puxa para Todos", "Assado Azarado", "O Faro de Fiel", "Macaquices", entre outras.
Além de todas as mencionadas acima, algumas das mais marcantes histórias de Hubbard são: "Um Presente para Mabel", "O Conto do Mel Instantâneo" e "A Ursa Borralheira", com o Coelho Quincas, "Acrobacias na Floresta" e "Um Dragão Realmente Real", com o Bongo, "A Estrela do Desfile", com a Sininho, "Na Calma Inglaterra" e "O Aluno Diplomado", com o Grilo Falante, "A Volta do Jacaré Astro" e "Bombeiro Biruta é Fogo", com o Peninha, "Auto-Desaprendizagem" e "Lágrimas de Crocodilo", com o Pato Donald, "Mickey e o Estupidossauro", "Missão Perigosa", "Na Pista das Pérolas Negras" e "O Delegado da Vila Adormecida", com o Mickey, e "Afinal, a Grande Praga", com a Maga e a Min.
Algumas das características do desenho de Hubbard é que ele utilizava muitos personagens humanos como coadjuvantes, especialmente nas histórias do Banzé. Seus automóveis também são bem marcados (traços quadrados), além de desenhar o Peninha com cabelos ralos saindo de baixo da touca de lã. As melhores histórias do Peninha x Ronrom são de autoria de Hubbard. Outras histórias marcantes são as que aparecem a Ursolina, na turma do brejo.

Hubbard desenhou quadrinhos para a Disney até 1979 e faleceu em 1984, nos Estados Unidos.

http://www.esquiloscans.com.br/index1.php?a=2&&mest=Hubbard,%20Al&&f=1



Relate algum problema encontrado nesse artista

  • DiegoHH
  • Adicionado por
    DiegoHH
    em 06/07/2008 07:14:00